Curso Swing Trade

Neste post, detalharemos o que é um Swing Trade em seu conceito puro, quais as vantagens e desvantagens em relação ao day trade e daremos um exemplo de uma operação swing trade real feita em nosso Trade Cash, disponível aos assinantes do Plano Business e do Plano Personal Trader.

Um Swing Trade, é uma operação na qual iniciamos ela em um dia e terminamos ela em um dia posterior ao que iniciamos, com base na análise técnica. Por exemplo, na última semana realizamos uma operação comprada para os assinantes do Plano Business e do Plano Personal Trader no ativo MAGG3 (Magnesita Refratários), iniciamos a operação no dia 02 de Janeiro e encerramos no dia 05 de Janeiro. Como compramos no dia 02 e vendemos no dia 05, a operação é conceituada como Swing Trade. Obtivemos 0,90% de lucro nesta operação.

Uma das vantagens do Swing Trade, é que seu IR (Imposto de Renda) é de 15% sobre os lucros auferidos, enquanto no day trade o IR é de 20%. Outro ponto, é que no Swing Trade o IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) é de 0,0005% enquanto no day trade esse percentual é de 1%. Importante ressaltar que o código para pagamento de IR na DARF é o 6015 para pessoa física e 3317 para pessoa jurídica.

Não estamos falando que o Swing Trade é melhor que o day trade, somente expomos as principais diferenças entre ambos e seus custos, pois quando você investidor for realizar esses tipos de operações é necessário que tenha o entendimento de todos os custos embutidos e fazer a conta para ver se realmente vale a pena determinada operação.

Victor Peixoto/Roberto Ferreira – R&F Partners Investment Solutions

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *