Consultoria de Investimentos

Papo de Mercado: Bear, Bull ou Lado.

Recuperação econômica lenta e difícil

  • O tom negativo prevalecia na bolsa paulista nesta quarta-feira, com blue chips entre os destaques de baixa após o Ibovespa encostar nos 80 mil pontos na véspera, em movimento alinhado a ativos de risco no exterior diante de persistentes preocupações sobre os efeitos econômicos da pandemia do coronavírus.
  • Às 11:51, o Ibovespa caía 2,14%, a 78.211,93 pontos. Na véspera, o Ibovespa fechou em alta de 1,37%, a 79.918,36 pontos, na segunda alta seguida, ampliando os ganhos em abril para 9,45%, enquanto no acumulado do ano o desempenho ainda estava negativo em 30,9%.
  • O volume financeiro somava 6,6 bilhões de reais neste pregão, também marcado pelos vencimentos dos contratos de opções sobre o Ibovespa e do índice futuro.
  • Para Arthur Kroeber, chefe de pesquisa na Gavekal, do ponto de vista do controle de infecções, a perspectiva é muito mais positiva. “O caminho para a recuperação econômica, no entanto, ainda parece lento e difícil”, afirmou em relatório.
  • Investidores estão particularmente atentos à temporada de resultados trimestrais de companhias dos Estados Unidos, que começou nesta semana e mostrará os primeiros reflexos da pandemia na maior economia do planeta.
  • Em Wall Street, a sessão também era de perdas, com números sobre a atividade econômica norte-americana piores do que as expectativas e forte queda nos lucros de bancos em razão de provisões para inadimplência referendando vendas após forte valorização dos índices na véspera. A queda dos preços do petróleo também pesava.
  • No Brasil, também continuam no radar a chamada PEC do orçamento de guerra e o polêmico projeto de auxílio a Estados e municípios, em razão do forte impacto nas contas públicas e já foram encaminhados para análise dos senadores.
  • Enquanto os analistas, financistas, economistas, comentaristas, youtubers, ou seu site de finanças preferido discutem se o mercado é bear ou bull, na nossa visão é lado.

O retorno bruto da carteira R&F Partners acumulou -2,12% (somado as operações do Trade Cash + proventos sobre dividendos) no acumulado de 2019 (fechamento 15/04/2020), comparado ao retorno de -31,94% para o Ibovespa no mesmo período. Isso equivale a dizer que a carteira R&F Partners, concentrada em poucas ações, apresentou retorno +29,82% superior ao seu principal índice de referência.

Trade Cash todas as semanas com recomendações de operações day trade, swing trade, futuros e derivativos!

ATENÇÃO ÀS RECOMENDAÇÕES DE CURTO PRAZO DO TRADE CASH!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *