Ciclo de Juros X Mercado de Ações

Com o ciclo de queda de taxa de juros quase no fim e a manutenção da taxa SELIC em 6.5% para os próximos anos, o investidor precisará tomar mais riscos para conseguir ter a mesma rentabilidade que o DI pagava nos anos anteriores.

 Para isso, um dos lugares que toma-se riscos de forma que maximize os lucros é no mercado de ações. O mercado de ações brasileiro, está em um excelente momento para se investir, pois muitas empresas estão com seu valor de mercado bem a baixo do potencial que podem atingir e a tendência é que com a retomada da economia essas empresas possam atingir seu pleno potencial e sejam cotadas a valores mais altos. Devemos nos atentar ao ponto da liquidez global, muitos investidores estrangeiros estão aguardando drivers importantes para o Brasil como a reforma da previdência para migrarem seu capital para ações, ou seja, esse fluxo de dinheiro de países do primeiro mundo para os emergentes tende a impulsionar o Ibovespa e melhorar a situação financeira do Brasil como um todo.

Para você investir no mercado de ações, é necessário ter um grande conhecimento de análise fundamentalista, análise técnica e saber sobre gestão estratégica de dinheiro, caso não tenha, invista seu dinheiro com um profissional com experiência no mercado de ações e que possua as devidas certificações.

Portanto, se vocês quiserem ter uma rentabilidade aproximada com o juros de 14.25% que chegamos a ter durante o governo Dilma, o investidor precisa tomar mais riscos, se ele não fizer isso, terá retornos quase 50% menores do que tinha a dois anos atrás em renda fixa.

Roberto Ferreira/Victor Peixoto – R&F Partners Investment Solutions

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *